Catamarã Turismo

Mogi das Cruzes – Mogilar – Itaipu

(11) 4699-1034 | (11) 99246-7030

mogilar@catamaratur.com.br

Blog

Bahamas-2_site
25 abr

8 lugares deslumbrantes para mergulhar pelo planeta

A prática de mergulho é um dos esportes que mais vem ganhando força nos últimos anos, não somente no Brasil, mas no mundo inteiro. A atividade proporciona muitos prazeres e descobertas. Além disso, o aprendizado em relação ao respeito que se deve ter com a natureza também é um dos pontos positivos do esporte.
Para quem tem interesse e vontade de se aventurar no mundo aquático, existem cursos e certificações para mergulhar, que são oferecidos com facilidade, o que vem contribuindo cada vez mais para a sua popularização. Afinal, quem não gostaria de ter um momento inesquecível e flutuar no meio do oceano cercado por belas paisagens e tranquilidade?
Desvendar os mistérios e as belezas do fundo do mar está entre as experiências mais fantásticas que alguém pode ter. Mergulhar é uma forma de puro contato com a natureza e vida marinha, o que proporciona vivências maravilhosas e memoráveis, afinal cada expedição é única.
Vale lembrar que os oceanos representam cerca de 65% da superfície terrestre do planeta, ou seja, há muitos lugares para praticar o esporte, sem contar os pontos que possuem água doce.
Por todos os cantos do mundo há destinos paradisíacos com águas cristalinas, recifes de corais e vida marinha exuberante que formam os cenários perfeitos para essa atividade fabulosa.
Pensando nisso, a Catamarã Turismo separou os oito melhores pontos de mergulho do mundo para você que quer ter experiências únicas em contato com o fundo do mar.

Riviera Maya – México

Banhada pelo mar do Caribe, a Riviera Maya se estende ao longo do litoral por 130 km, desde Puerto Morelos ao norte, até Punta Allen ao sul, e é o destino perfeito para quem quer mergulhar, já que o local é considerado um dos melhores pontos para a prática de mergulho e snorkeling do mundo. As águas são claras e ótimas para avistar a vida marinha do Oceano Pacífico.

Riviera-Maya_site

A Riviera Maya possui o maior recife do hemisfério norte, com cerca de 965 km de extensão, além de cenotes (piscinas naturais formadas em um buraco profundo no solo), onde é possível encontrar mais de 500 espécies marinhas.
O mergulho em cavernas também é bastante comum. Localizado a uma curta distância de carro das ruínas maias de Tulum, o Gran Cenote é uma das muitas cavernas espalhadas pela Riviera Maya, onde sumidouros (buracos no solo por onde a água se escoa) naturais formam grandes piscinas subterrâneas.
A experiência depende dos níveis de mergulho. Na entrada, não é preciso sequer equipamentos, já que a água é rasa e extremamente clara. Para os mais aventureiros é possível adentrar por entre as partes mais escuras do Gran Cenote e conhecer as formações rochosas espetaculares.

Grande Barreira de Corais – Austrália

Na costa leste da Austrália, a Grande Barreira de Corais é visível até mesmo do Espaço, tamanha a sua grandiosidade. Com 2300 km de extensão e ocupando uma área de 350 mil km², é o maior recife do planeta, e talvez não seja exagero considerá-lo também o mais belo.
A Grande Barreira de Corais é formada por uma comunidade de, no mínimo, 2,8 mil recifes coralinos diferentes, que são formados quando colônias de plantas e animais marinhos tropicais, com esqueleto de calcário, crescem sobrepostos às gerações anteriores.
A vasta e rasa plataforma continental do nordeste da Austrália proporciona uma base perfeita para o crescimento desse complexo de corais, que avança até 260 km mar adentro.
Os recifes de corais também exibem uma riquíssima vida marinha, que se mostra presente a todo momento. Entre os animais que podem ser encontrados estão: polvos, lulas, peixes, tartarugas e tubarões.
Juntos, os corais formam um conjunto de cores sem precedentes, proporcionando aos mergulhadores um verdadeiro espetáculo da natureza em meio às águas claras do Pacífico.
Existem duas opções de mergulho, com snorkel ou cilindro, em expedições feitas tanto para profissionais quanto para iniciantes. Em muitos pontos, a água é bastante rasa, o que torna tudo mais fácil, mas não menos emocionante. A temperatura da água é de, em média, 25°C e entre os meses de abril e novembro está o melhor período para mergulhar na Austrália.

Palawan – Filipinas

Nas Filipinas, a natureza se mostra espetacular tanto em terra firme quanto no mar. Além de possuir as praias mais bonitas do mundo, esse arquipélago também reserva lindas surpresas debaixo d’água.

Como é o caso da Ilha de Palawan, verdadeiro paraíso para os mergulhadores. Essa ilha foi considerada pela Revista Condé Nast Traveller como uma das mais bonitas do mundo em 2016.
As águas cristalinas e rasas são famosas pelos tons que vão de esmeralda a azul-turquesa, e aparecem como um dos melhores locais para a prática de mergulho.
A melhor opção em Palawan é o snorkeling. Há inúmeros pontos para a atividade em locais rasos e até mais profundos, como em Coron, onde é possível ver navios naufragados da Segunda Guerra Mundial, sendo praticamente um museu no fundo do mar.
Ao praticar mergulho nessa região é possível encontrar lagoas que misturam água doce e salgada, golfinhos, tartarugas-marinhas, plantas marinhas e barreiras de corais incríveis, o que deixam a atividade ainda mais encantadora.

Sharm El Sheikh – Egito

Mergulhar no Egito? Tudo a ver! Pelo menos em Sharm El Sheikh, principal balneário do país localizado na Península do Sinai, onde há excelentes pontos para mergulhar, característica pela qual a cidade ficou famosa. Isso porque suas águas do Mar Vermelho oferecem mergulhos aventureiros, além de serem bastante claras e tranquilas, garantindo visibilidade perfeita.

Sharm-El-Sheikh_site

Abundantes, a fauna e flora marinhas também estão entre os destaques. Existem recifes de corais magníficos de todos os tipos e peixes de várias espécies exuberantes, como peixes-palhaço, peixes-papagaio, enguias e até tubarões de pontas negras.
Mergulhar nesse lugar é realmente como se sentir em um gigantesco e fantástico aquário. Animais para todos os lados, que disputam qual é o mais belo.
Há opções de mergulhos tanto de cilindro como de snorkel. Os melhores pontos para a atividade estão localizados nos corais de Gordon e Jackson, no Estreito de Tiran e nos corais do Parque Nacional de Ras Mohammed, considerado um dos melhores pontos de mergulho do mundo. São lugares perfeitos para praticar snorkeling.
A Península do Sinai é repleta de barreiras de corais de até 100 m de profundidade, fazendo de Sharm El Sheikh um destino único no planeta.

Langkawi – Malásia

Arquipélago formado por 99 ilhas, quase todas praticamente desabitadas, Langkawi, na Malásia, é cercado por um mar de vários tons azul-turquesa. É o destino ideal para um contato autêntico com a natureza.
Além das exuberantes praias, o arquipélago é especialmente reconhecido pelas suas excelentes oportunidades de mergulho. Com apenas uma máscara é possível observar o incrível mundo submarino.
As águas calmas, rasas e claras permitem que os mergulhadores apreciem a vida marinha encantadora, sendo um dos melhores locais para a prática de mergulho e snorkeling na Malásia. Seja jovem ou velho, experiente ou amador, qualquer um pode fazer a atividade e desfrutar de todas as belezas existentes.
Embaixo d’água, a vida marinha é variada, colorida e deslumbrante, com uma imensidão de peixes coloridos, corais e crustáceos, garantindo paisagens únicas ao mergulhar.
As atividades aquáticas não param por aí. Em Langkawi, por ser muito quente e úmido, com temperaturas variando de 25°C a 35°C, também é bastante comum a prática de surfe, vela, caiaque e jet ski.

Great Blue Hole – Belize

Para os apaixonados por mergulho, o Belize é um dos locais mais procurados em toda a América Central e Caribe por ser mundialmente conhecido pelo Blue Hole, uma cratera em forma circular com 300 m de diâmetro e 135 m de profundidade, rodeada por recifes de coral.
O Blue Hole, com suas águas cristalinas e seu ecossistema diversificado e lindíssimo, é considerado a verdadeira obra-prima de Belize. Ele está localizado no centro do atol Lighthouse Reef, a pouco mais de 60 milhas náuticas do continente.
Toda a área no interior da barreira de coral que envolve o Blue Hole é riquíssima em vida animal, com peixes de cores variadas, golfinhos, pequenos tubarões, entre outros.
A melhor época para mergulhar em Belize está entre os meses de abril e junho. Os principais pontos de mergulho são as ilhas Turneffe, o Lighthouse Reef, o Atol de Glover e Ambergris Cave.
A vantagem para o visitante é que o turismo se estruturou para os interessados em mergulho e existem diversos resorts e agências especializadas na modalidade. As temperaturas altas, com média de 29°C, incentivam ainda mais os passeios aquáticos e são responsáveis pela rica vida marinha de Belize.

Ilhas Galápagos – Equador

As ilhas Wolf e Darwin, em Galápagos, são excelentes pontos de mergulho. Não há lugar melhor para quem deseja ver de perto os mais temidos predadores dos mares agrupados em cardumes: tubarões-martelo.
Prepare-se para encontrar também gaivotas-de-patas-azuis, leões-marinhos, pinguins, iguanas, golfinhos, tartarugas gigantes, arraias, moreias e uma fauna exótica e exclusiva deste grupo de 58 ilhas, das quais apenas quatro são habitadas, situadas no Oceano Pacífico a cerca de 1000 km da Costa do Equador.
Vale lembrar que Galápagos saiu do anonimato apenas em 1831, quando serviu de inspiração para o pesquisador Charles Darwin elaborar a tão famosa teoria da evolução.
Os melhores pontos de mergulho do arquipélago, entre eles as ilhas Wolf e Darwin, estão frequentemente sujeitos a fortes correntes, inclusive na superfície.
Os mergulhadores têm contato direto com a vida selvagem intensa das águas equatorianas. Em um simples mergulho superficial é possível se deparar com uma deslumbrante vida marinha.
Os melhores meses para mergulhar em Galápagos são dezembro, janeiro, maio e junho. A temperatura da água fica entre 21°C e 26°C.

Bahamas – Caribe

Entre tantos lugares fantásticos de mergulho pelo mundo, um destino caribenho não poderia ficar de fora dessa lista. Formadas por cerca de 700 ilhas e 2.000 ilhotas, as Bahamas, com belas paisagens naturais, estão localizadas ao norte do Caribe.

Bahamas_site

Com águas multicoloridas e cristalinas, além de uma abundante fauna aquática sem igual no mundo, as Bahamas atraem turistas interessados em naufrágios e na fauna subaquática, sendo uma opção interessante para quem quer mergulhar mas também procura uma boa infraestrutura hoteleira, afinal essa região do Caribe também é muito conhecida por seus diversos resorts e hotéis de praia.
Você não precisa nem ir muito longe para mergulhar nas Bahamas, já que de Nassau, sua capital, partem diversas excursões de mergulho. O clima por lá é sempre ameno, com uma suave brisa, e durante o mergulho você pode se deparar com tubarões, golfinhos e seguir até para piscinas naturais e cavernas subaquáticas.
New Providence é outro destino incrível para mergulho, localizado sobre cavernas e um abismo submarino. É lá onde acontece uma das principais atrações de Bahamas: mergulho e alimentação de tubarões.
Outro ponto de visitação de mergulhadores é Grand Bahama, onde os turistas podem ter contato com tubarões e golfinhos, além de conhecer o navio THEO´s, naufragado artificialmente.
A temperatura média da água é de 24°C e a melhor época para visitar as Bahamas é entre os meses de abril e setembro.

O que acha de viajar para um desses belíssimos lugares e se aventurar no fundo do mar? Conte com a Catamarã Turismo para encontrar os melhores pacotes, preços e passeios. Entre em contato que a gente planeja tudo pra você!

Telefone: (11) 4699-1034
WhatsApp: (11) 99246-7030
mogilar@catamaratur.com.br
Rua José Meloni, 351, loja 12, dentro do estacionamento da Itaipu, o Shopping da Construção, Mogilar – Mogi das Cruzes

WhatsApp