Catamarã Turismo

Mogi das Cruzes – Mogilar – Itaipu

(11) 4699-1034 | (11) 99246-7030

mogilar@catamaratur.com.br

Blog

jericoacora
21 dez

Um paraíso chamado Jericoacoara

Jericoacoara é uma vila de pescadores do município de Jijoca, a 300 Km de Fortaleza, na costa oeste do Ceará. É um santuário ecológico, lugar de belezas naturais deslumbrantes e bastante popular entre os que procuram sossego.

Foi considerada uma das 10 mais belas praias do mundo pelo jornal Washington Post. E, em 1984, tornou-se Área de Proteção Ambiental (APA), conservando praticamente intocada sua beleza natural.

Gigantescas dunas, coqueirais, lagoas de águas cristalinas, manguezais, cavernas, praias de enseada e de oceano, misturam aspectos do sertão e da costa litorânea nessa antiga aldeia de pescadores. A partir de 2002, Jericoacoara virou Parque Nacional.

Até cerca de 20 anos atrás, Jeri, assim chamada pelos íntimos, era apenas uma simples vila isolada do mundo, visitada somente por viajantes aventureiros. A cidade ficou famosa por ser uma das praias mais bonitas e longas do mundo, levando pessoas de todos os cantos às suas margens.

A vila é incrivelmente linda e mágica, e conserva o seu ar rústico. Com sol o ano todo e ambiente aconchegante, o lugar está preparado para receber turistas que buscam uma experiência diferente.

Jeri é um refúgio diante da modernidade das grandes cidades e do agito diário. Por lá, não há necessidade de carros ou ruas calçadas – tudo é de areia. No ar é perceptível a simplicidade e o acolhimento, características que fazem muitas pessoas se sentirem em casa.

Energia elétrica se restringe a uma rede subterrânea que alimenta toda a vila, não há postes nas ruas, somente a luz das estrelas e da lua. O contato com a natureza é extremamente intenso e faz você esquecer o resto do mundo – nada de trânsito, horários ou complicações. Tudo é muito simples e amplo, dando uma sensação de liberdade indescritível.

Jeri é também destino certo daqueles que amam velejar. Os ventos de lá são os melhores do mundo para a prática de kite e windsurf. Não há tempo ruim nem idade que impeçam quem quer aprender esses esportes.
A vila de Jericoacoara ocupa uma área de cerca de 200 Km², onde são proibidas a caça, pesca predatória ou qualquer tipo de poluição, e é uma atração por si só.

Com ruelas só de areia, muitos restaurantes charmosos e várias lojinhas, o ar rústico das ruas de areia e a baixa iluminação à noite são os grandes diferenciais de Jeri, especialmente para quem está acostumado com grandes cidades.

Clima
A temperatura varia entre 35°C no verão e 22°C no inverno. A época de chuvas ocorre entre janeiro a junho, quando são formadas as belíssimas lagoas da região. São períodos de chuvas que vêm e logo vão embora, pois o sol é forte e aparece o ano todo.

Taxa ambiental
A prefeitura de Jijoca, município em que Jericoacoara está localizada, instituiu uma taxa de R$5 ao dia para os turistas que visitam a região. A cobrança entrou em vigor em 21 de setembro de 2017. Instituída por lei municipal, a Taxa de Turismo Sustentável vale para os visitantes entre 13 e 59 anos, com exceção de deficientes físicos e os moradores do município. Para evitar filas na chegada, você pode pagar a taxa pela internet.

Como circular
Com a proibição de carros, o jeito é contar com as caminhonetes da prefeitura (que circulam entre as pousadas e levam turistas gratuitamente) ou andar a pé, sendo esta a melhor maneira de conhecer o lugar.
São três ruas importantes (São Francisco, do Forró e Principal), entrecortadas por vielas com bares, lojinhas e restaurantes.

É possível contratar um bugueiro para conhecer as principais atrações de Jeri, além de praias e lagoas mais distantes do centrinho da vila.

Restaurantes
Jericoacoara possui restaurantes maravilhosos, com opções para todos os gostos e bolsos. Lá é possível encontrar comidas típicas da gastronomia brasileira e da culinária internacional, assim como barraquinhas de praia e barzinhos com música ao vivo.

Os restaurantes especializados em pescados predominam em Jeri. A maioria dos estabelecimentos estão concentrados no centrinho, sobretudo na Rua Principal.

No Pimenta Verde, localizado no centro, aposte nos frutos do mar. O The Lab, também no centro, tem um longo menu de massas e pescados. O Tamarindo é sempre disputado e tem um clima super aconchegante.

Há várias opções de comidinhas, como o Gelato & Grano e o Granola, que servem frozen yogurt, saladas, tapioca e açaí. A Padaria Santo Antônio garante o lanche dos forrozeiros: só funciona de madrugada.

Hospedagem e lojas
Jericoacoara tem várias opções de lugares para se hospedar: hostels, hotéis, pousadas e casas de aluguel. Todos de qualidade e com uma excelente infraestrutura.

Além disso, Jeri também conta com diversas lojinhas de artesanato, que são repletas de lindas lembranças da vila, e serviços para fazer passeios e esportes.

Pôr do sol e Pôr da lua
Por se localizar no extremo norte do estado do Ceará, Jericoacoara tem o mar tanto à leste como à oeste, sendo portanto um dos poucos lugares do Brasil que possuem a localização geográfica privilegiada, onde é possível ver o nascer e o pôr do sol no mar, o mesmo ocorrendo com o nascer e o pôr da lua.

Para ver o pôr do sol, o local mais procurado é uma duna gigantesca localizada do lado oeste da vila, conhecida como Duna do Pôr do Sol. Já é tradição em Jericoacoara acontecer uma roda de capoeira na praia todos os dias após o pôr do sol.

Duna do Pôr do Sol
A praia do centro de Jericoacoara, frequentada pelos windsurfistas em especial, tem como destaque a Duna do Pôr do Sol. Todos os dias, no final da tarde, nativos e turistas sobem o morro de 30 metros de areia para apreciar o lindo momento do sol mergulhando no mar.

Esse é um dos espetáculos mais incríveis que Jeri reserva. Não deixe de passar um final de tarde lá em cima, escolha um cantinho mais calmo e aproveite a vista indescritível.

Praia de Jeri
A Praia de Jericoacoara é a mais próxima da vila, de acesso mais simples e também a mais frequentada. Ela tem uma grande faixa de areia e costuma ter um mar calmo, mas com ventos frequentes.

A infraestrutura é ótima e por ali você vê vários bares e restaurantes na beira do mar, o que facilita muito para quem quer ficar na praia sem se preocupar com nada.

Praia Malhada
A Praia Malhada, também próxima à vila de Jeri, é a mais utilizada para praticar surf. Sua estrutura está longe de ser como a da praia em frente à vila, já que o local não tem nenhum comércio.

Vão para essa praia aqueles que pretendem pegar ondas ou simplesmente ficar num espaço com pouca gente, relaxando. A Praia Malhada fica no caminho que se faz pelo mar até a Pedra Furada.

Lagoa Azul e Lagoa Paraíso
As lagoas são partes importantes do roteiro de quem visita Jeri, já que são as melhores “praias” da vila. A principal delas é Jijoca, dividida em duas partes: Lagoa Azul, rústica e com barracas simples; e Lagoa do Paraíso, com pousadas confortáveis e restaurantes que oferecem redes e espreguiçadeiras.

A Lagoa Azul é conhecida por ter bancos dentro da água que são ótimos para relaxar e por ser o local ideal para quem procura tranquilidade. É menos popular do que a vizinha Lagoa do Paraíso, sendo também menos movimentada.

É uma lagoa com poucos restaurantes e cuja coloração da água varia de acordo com as condições climáticas. O local costuma ser frequentado por famílias com crianças. Enquanto os adultos sentam-se no restaurante para comer ou tomar uma bebida, as crianças ficam na água, curtindo um banho tranquilo e sem ondas.

A Lagoa do Paraíso é, possivelmente, a que tem coloração mais bonita na região. Azul-claro e azul-escuro se misturam, proporcionando um espetáculo para os olhos e encantando quem escolhe essa lagoa para descansar.

As redes dentro da água são tradição para quem visita o lugar, podendo também usufruir do serviço de vários restaurantes que colocam mesas e cadeiras dentro da água para que os visitantes relaxem ainda mais.

A lagoa tem água com poucas ondas, o que garante ainda mais paz para quem está com crianças ou não gosta de mergulhar em um local que os pés não alcançam.

Um dos principais estabelecimentos na beira da lagoa é o Alchymist, um clube de praia com uma mega estrutura, muitas mesas na areia para os visitantes, armários, banheiros, chuveiro, cardápio extenso e diferentes tipos de bebidas. Se quiser passar o dia na lagoa desfrutando de uma boa estrutura, o local é uma ótima opção.

A Lagoa Azul e a Lagoa Paraíso, as duas de imensa beleza e deslumbrantes cores, são consideradas entre as lagoas de água doce mais bonitas do Brasil.

Lagoa Tatajuba
A Lagoa da Tatajuba, no litoral oeste de Jericoacoara, é um local que geralmente se visita em um passeio de 4×4 pela região. A lagoa é tranquila, cercada por dunas muito bonitas e em sua extensão tem alguns restaurantes, onde os turistas podem passar o dia desfrutando de sua estrutura, comendo e bebendo. A água da lagoa é clara e calminha, ideal para quem está com crianças.

Pedra Furada
Um dos cartões-postais de Jeri é uma pedra alta e, como diz o nome, com uma fenda no meio, a chamada Pedra Furada, uma formação rochosa que a erosão do mar talhou fazendo desta pedra um dos principais atrativos da vila.
O caminho pelo litoral para chegar até esse lugar fantástico tem várias outras pedras menores e muito bonitas. Tanto a atração principal quanto seu caminho oferecem a oportunidade de tirar fotos belíssimas. Em julho, o sol se põe na fenda dentro da pedra, criando um espetáculo maravilhoso.

Se escolher chegar à Pedra caminhando desde a vila pela beira da praia, deve ir durante a maré baixa. No percurso até a Pedra Furada, que dura em torno de 40 minutos, você poderá observar cavernas e piscinas naturais.

Se a maré já estiver alta, a opção é caminhar pelo Serrote, um morro alto que possibilita a vista de cima da Pedra. No retorno para a vila, uma boa opção é parar para observar a vista do farol, que fica no morro, em frente à praia.

Morro do Serrote
Com 98 metros de altura, o Serrote é o morro mais alto da região de Jericoacoara e também funciona como barreira que impede que as areias em movimento alcancem e cubram a vila.

Com a criação da Área de Proteção Ambiental (APA) de Jericoacoara, ficou proibida a extração de qualquer elemento do Serrote, assim como a circulação de carros e bugues por sua extensão.

No pé do Serrote está a Pedra Furada e no topo fica o Farol de Jericoacoara, inaugurado em 1952. O Farol é o melhor lugar para ver nascer e cair o sol, porque oferece a melhor vista para o mar leste.

Subir ao Serrote é um passeio divertido para fazer a pé ou em cavalgadas, chegando até o farol ou continuando o trajeto até a Pedra Furada e admirando maravilhosas praias no caminho.

Quem conhece Jericoacoara não esquece jamais. A beleza das paisagens impressiona a todo o momento: lagoas de água doce e salgada, praias intocadas e rochas esculpidas pelo vento numa área de 200 Km².

Jeri é o lugar ideal para quem quer relaxar e observar os cenários encantadores. A vila é pequena, mas sua beleza é gigante e a atmosfera contagiante!

Depois de tantas dicas maravilhosas, que tal começar a planejar sua viagem para Jericoacoara? Conte com a Catamarã Turismo para encontrar os melhores pacotes, preços e passeios. Entre em contato que a gente planeja tudo pra você!

(11) 4699-1034
mogilar@catamaratur.com.br
Rua José Meloni, 351, loja 12, dentro do estacionamento da Itaipu, o Shopping da Construção, Mogilar – Mogi das Cruzes

WhatsApp